RECEBA O CONTEÚDO DO BLOG NO SEU E-MAIL!

Telemetria: a tecnologia e o gerenciamento de riscos no mercado de seguros automobilísticos

Internet das Coisas | Publicado por Time MJV on 6/out/2014 11:29:00

Telemetria: a tecnologia e o gerenciamento de riscos no mercado de seguros automobilísticos - MJV Tecnologia & Inovação

A Telemetria, tecnologia para monitoramento, medição e rastreamento de objetos através de dados enviados via rádio ou satélite a uma central de controle, vem assumindo cada vez mais importância em variadas aplicações no Brasil.

No entanto, uma novidade ainda pouco explorada por aqui é o uso da Telemetria no mercado de seguros automobilísticos. Quando falamos em sistemas telemétricos em automóveis, logo nos vêm à cabeça os painéis de bordo nos carros de Fórmula 1, que colhem dados dos bólidos em tempo real, e algumas informações são repassadas aos pilotos pelo painel no volante.

Já popular entre as empresas de logística para preservação de roubo e furto de carga, a Telemetria pode também favorecer as seguradoras quando o assunto é prevenção de sinistros, proporcionando identificação de falhas na forma de condução dos motoristas, além de informações sobre o desempenho do automóvel.

Tecnicamente falando, as principais informações monitoradas por meio da Telemetria são odômetro (distância percorrida), velocidade em pista seca ou molhada, tempo de acionamento da embreagem (pé na embreagem), freadas e acelerações bruscas, tempo que o veículo permanece parado, em marcha lenta ou em trânsito; rotações e temperatura do motor, consumo de combustível, falha na pressão de óleo, dentre outras.

Nas apólices de seguros automobilísticos, a Telemetria pode ser útil para trabalhar preventivamente, pois possibilita a estruturação das informações e a geração de relatórios rápidos de infrações, imprudências e incidentes. Portanto, a Telemetria aplicada dá às seguradora subsídios para investir em conscientização e treinamentos, mas também pode proporcionar aproximação e melhoria no relacionamento com o cliente.

Imagine um motorista que costuma ter um comportamento padrão e de repente precisa fazer uma manobra brusca. Imediatamente sua seguradora recebe um alerta e faz contato com ele para ver se está tudo bem, colocando-se à disposição para ajudá-lo. Este serviço também pode ser oferecido às empresas que mantém frotas de veículos, dando à seguradora uma atuação mais ativa no envio de mensagens diretamente aos motoristas ou alertando os gestores para possíveis incidentes, por exemplo.

Se o gerenciamento de riscos e a prevenção de sinistros é um trabalho constante para as seguradoras de automóveis, com a Telemetria elas passam a ter infraestrutura tecnológica inclusive para calcular os prêmios das apólices. Algumas seguradoras europeias já fazem a análise do comportamento dos condutores, via soluções baseadas em telemetria, inclusive para aceitar a renovação do contrato de seguro. Está na hora do mercado brasileiro de seguros automobilísticos usufruir desta tecnologia para proporcionar uma experiência melhor aos segurados e, consequentemente, melhorar sua performance de mercado.

Você já pensou em utilizar Telemetria como diferencial na sua seguradora? Deixe um comentário!

Categorias: Internet das Coisas

Livro_Design_Thinking_Inovação_em_Negócios

Deixe seu comentário

Receba o conteúdo do blog no seu e-mail!

Posts recentes