RECEBA O CONTEÚDO DO BLOG NO SEU E-MAIL!

Scrum na prática: veja como utilizar as ferramentas de planejamento ágil

Metodologia Lean | Publicado por Time MJV on 31/ago/2017 19:40:27

2016-11-04-the-chief-product-owner-on-large-agile-projects.png

Depois de ter conhecido os princípios do desenvolvimento ágil, como desenvolver soluções digitais inovadoras utilizando esse framework e as dicas para escolher o melhor Scrum Master para a sua equipe, chegou o momento de entender, na prática, como gerenciar seus projetos com o Scrum. Esta semana disponibilizamos o toolkit de planejamento ágil para você começar a utilizar a metodologia. Baixe o seu aqui! A seguir, confira dicas para fazer uso do seu toolkit de planejamento ágil e entregar resultados cada vez mais rápidos e melhores.  

  • Descreva

O Scrum se baseia em estórias e, para preenchê-las corretamente, é preciso responder a questões no formato abaixo:

“Quando (situação), eu preciso/quero/devo (motivação) para que seja possível (resultado)”.

Desta forma é possível identificar quais são os perfis de usuários, o que eles gostariam de fazer e o por quê. Com isso, a equipe tem uma noção mais clara do que precisa implementar.

  • Priorize

Ao definir a prioridade das suas estórias, leve em consideração a que agrega mais valor ao negócio, em ordem decrescente . Outro ponto a ser considerado é o resultado que a estória oferece, pois quando uma estória tem outras menores dependendo dela, a sua prioridade aumenta.

  • Dimensione

Dimensione quanto esforço será necessário para concluir a estória. Faça isso por pontos de estórias, somando todos e chegando à quantidade de pontos definidas para o projeto. Em uma conversa inicial, durante a Sprint 0 (de planejamento do projeto), a equipe discute quantos pontos de estória consegue fazer numa primeira iteração. Você pode chegar a essa conclusão de forma rápida a partir da dinâmica de planning poker, um jogo que utiliza diferentes cartas enumeradas por Story Points, que representam um valor abstrato de tamanho.

Funciona assim:

  1. Alguém da equipe lê uma user story em voz alta;
  2. A equipe discute o critério de aceitação (definido pelo Product Owner) e tira todas as dúvidas a respeito;
  3. Cada membro, exceto o P.O., decide uma quantidade de story points e seleciona a carta do seu baralho, sem mostrar aos demais.
  4. Todos os membros viram suas cartas ao mesmo tempo;
  5. No caso dos valores serem diferentes, cada um apresenta uma justificativa, geralmente do valor mais alto ao mais baixo;
  6. Depois disso, a equipe vota novamente até que todos entrem em acordo.
  • Refine

Refine a estória, colha mais detalhes, entenda melhor o funcionamento, tire as dúvidas com o PO. O Scrum funciona em diferentes níveis de abstração, onde se move do macro para o micro conforme os requisitos vão sendo implementados. As estórias que estão em um nível muito macro de detalhamento são conhecidas como lendas. São as estórias que você identifica que podem se desmembrar em outras, mas como não quer trabalhar com elas no momento, vai refinando ao longo do projeto.


Fique ligado, pois na próxima semana será lançado outro toolkit para te auxiliar no acompanhamento ágil do seu projeto. Assine o conteúdo da MJV para receber em primeira mão!

Categorias: Metodologia Lean

Nova call-to-action

Deixe seu comentário

Receba o conteúdo do blog no seu e-mail!