RECEBA O CONTEÚDO DO BLOG NO SEU E-MAIL!

O que podemos aprender sobre colaboração com as formigas?

Design Thinking | Publicado por Time MJV on 18/ago/2014 13:41:47

O que podemos aprender sobre colaboração com as formigas? - MJV Tecnologia & Inovação

Detentoras do título de “organização social mais complexa” do reino animal, as formigas vivem em comunidades bem estruturadas, onde diferentes tipos de membros com funções bem específicas atuam diariamente para a harmonia do grupo. Colaboração é palavra de ordem no formigueiro.

Mas as formigas não têm leis que regem suas ações. O bom andamento de suas comunidades não vem das decisões de nenhuma alta hierarquia, mas é parte de um ciclo programado biologicamente. Ou seja, elas não têm nenhum planejamento.

Apesar disso, sua comunicação é tão desenvolvida quanto seu senso de vida em comunidade. Elas “conversam” através do toque, do som e de sinais químicos. Estes estímulos realizam muitas coisas, desde servir de alerta quando alguma delas morre até sinalizar quando uma rainha está perto do fim de sua vida reprodutiva.

Uma das mais impressionantes habilidades coletivas de uma comunidade de formigas é explorar grandes áreas de forma eficiente e minuciosa, sem um planejamento predeterminado. A maioria das espécies de formigas tem pouca ou nenhuma visão. Por outro lado, o olfato é bem desenvolvido. Combinando com sua falta de coordenação hierárquica, isso poderia fazer delas péssimas exploradoras, mas há uma forma incrivelmente simples pela qual as formigas maximizam a eficiência de suas buscas: modificando seus padrões de movimentos com base em interações individuais.

Quando se encontram, elas sentem umas às outras através de suas antenas. Quanto maior a quantidade de formigas na região, mais frequente esta interação, fazendo com que ajam se movendo por trajetos mais complicados, para procurar mais minuciosamente.

O que podemos aprender com as formigas?

Em nosso cotidiano, temos inúmeras atividades, como as formigas; também trabalhamos para obter resultados, seja em matéria de alimentação, moradia - pensando individualmente -, ou pela melhoria dos serviços de saúde, educação da cidade - falando mais socialmente.

Com todas as habilidades que temos, ainda assim, nossa comunicação é deficiente. Talvez precisemos ter em mente que nosso senso de coletividade precisa ser aprimorado constantemente e, como as formigas, seria bom intensificarmos nossas interações individuais.

O que eu posso fazer para ter experiências de interação com meu colega de trabalho com quem convivo diariamente que sejam ricas para mim e para ele? O que, juntos, eu e ele podemos desenvolver para melhorar nossa forma de trabalhar e obter resultados?

Uma dica: quando tiver oportunidade, pare para observar a movimentação num formigueiro. Temos muito que aprender com as formigas!

Categorias: Design Thinking

CTA - Ebook Update or Die

Deixe seu comentário

Receba o conteúdo do blog no seu e-mail!

Posts recentes